Notícias

Você está em: Página Inicial > Imprensa > Notícias

Vereadores pedem melhor salário a enfermeiros

Data de inclusão: 21/06/2021 21:26

Durante a palavra livre da sessão desta segunda-feira, 21, da Câmara de Vereadores de São Bento do Sul, um dos assuntos debatidos foi quanto a baixa remuneração dos profissionais da área da enfermagem no município.
O primeiro vereador a utilizar a palavra foi Luiz Lindecir Pesenti, o qual destacou o trabalho desenvolvido por uma empresa local que está instalando internet na área rural do município. Segundo o vereador, já foram instaladas 13 antenas de internet via rádio no interior, e que atendem a cerca de 180 famílias. Ele também destacou o trabalho desenvolvido pela Secr5etaria de Agricultura no município, que já entregou calcário à 36 produtores rurais, saibro a outras 30 famílias, e serviços com equipamento da Secretaria a outras 30 famílias. Ele falou ainda sobre os salários defasados dos profissionais de enfermagem, os quais estariam optando por trabalhar em outros municípios devido a diferença salarial existente.
A vereadora Carla Hofmann parabenizou o servidor da Câmara, Sandro Luis da Silva, que assumiu a direção da Casa de Leis. Carla também avaliou como positiva a implantação de internet na área rural do município. A vereadora também falou de sua preocupação com o alto número de casos de covid, lembrando às pessoas que estiverem na faixa etária para receber a vacina, que confirmem no site de cadastro para quando foi agendada a sua vacina. Ela comemorou o fato de o prefeito Antonio Tomazini ter se comprometido a testar mais pessoas suspeitas de terem a Covid, pois, segundo ela, somente assim o número de casos irá reduzir.
O vereador Luiz Neri Pereira também falou sobre a vacinação contra a Covid, lamentando o número de pessoas que não comparecem a vacinação. Ele também citou que as pessoas que se cadastraram para receber a primeira dose devem verificar no site do cadastro para quando foi agendada a sua vacina. O vereador também falou de seu projeto de Lei que altera o código de posturas do município, afirmando que a alteração foi uma solicitação dos comerciantes do Calçadão, que hoje precisam solicitar a cada 3 meses a renovação da autorização para ter mesas na parte externa de seus estabelecimentos, e com a mudança proposta essa solicitação passsará a ser anual, reduzindo a burocracia existente.
O vereador Angelo Ronei Pechinski lamentou o falecimento do ex-vereador Braulio Pscheidt, ocorrido no último dia 18. Ela também falou da fiscalização feita por ele e pela vereadora Carla Hofmann às ruas que estão recebendo a pavimentação comunitária, destacando a importância desse projeto. Pechinski também lembrou do dia do funcionário público aposentado, citando que conversou com o funcionário público aposentado conhecido como ?Patrolinha?, que continua fazendo a manutenção da rua onde sempre trabalhou, mesmo sendo aposentado.
O vereador Paulo Zwiefka falou sobre duas indicações que apresentou solicitando a manutenção em duas pontes de madeira, antes que ocorra algum acidente nestes locais. Ele também lamentou que o secretário de Obras, Jairson Sabino, o bloqueou em seu celular, em um ato, segundo ele, ?infantil?, após o vereador mostrar fotos em que o secretário aparecia sem usar máscaras. Vários vereadores apoiaram Paulo nessa questão.
O vereador Darlan Guliani apresentou números para falar do baixo salário pago em São Bento do Sul aos profissionais da área da enfermagem. Segundo um levantamento feito por ele, um enfermeiro recebe aqui R$ 4.023,00. Em Joinville o salário é de R$ 5.015,00, Jaraguá do Sul R$ 4.400,00, e Mafra e Rio Negrinho, R$ 4.616,00. Já um auxiliar de Enfermagem recebe em São Bento R$ 2.484,00. Joinville paga R$ 3.335,00, Jaraguá do Sul R$ 3.067,00, e somente Rio Negrinho, com R$ 1.469,00 e Mafra, com R$ 1.582,00 pagam menos que São Bento do Sul a esses profissionais. Ele lamentou essa diferença nos salários, lembrando que o município está perdendo profissionais para outros municípios devido a essa diferença salarial. Darlan também destacou o trabalho desempenhado pelos profissionais do Centro de Monitoramento de Covid, os quais tem que monitorar mais de 2.600 infectados, sendo que destes, 280 possuem outras comorbidades.
A vereadora Terezinha Dybas disse estar preocupada com a situação apresentada pelo vereador Paulo quanto ao secretário de Obras, porém, segundo ela, o bloqueio ocorreu no celular particular de Sabino, então trata-se de uma decisão particular dele. Ela também destacou o projeto de cooperação internacional InovaJuntos, que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico está participando. O programa, segundo ela, é desenvolvido pela Confederação Nacional dos Municípios, em parceria com Centro de Estudos Sociais de Portugal, e que tem entre seus objetivos fortalecer o desenvolvimento urbano sustentável por meio da inovação em políticas públicas e contribuir para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Terezinha também comemorou o lançamento feito pela Secretaria de Saúde do aplicativo para agendamento das consultas médicas, evitando com isso as filas nos postos de saúde. A vereadora também lembrou que quem se cadastrar para receber a vacina deve depois conferir no site quando irá tomar a dose.
O último a se pronunciar foi o vereador Adriano Reinhardt, que fez uma homenagem ao ex-vereador Braulio Pscheidt, falecido no último dia 18, lembrando que mesmo eles estando em partidos diferentes, sempre foram amigos, e Braulio lhe deu vários conselhos. O vereador também afirmou que o município deve rever os valores pagos aos profissionais da enfermagem, essenciais nesse período de pandemia.

Imagens relacionadas

Download
Assista a
Sessão Ao Vivo
Assista as
Sessões Gravadas
Portal da
Transparência
Conheça os
Vereadores
Pauta das
Sessões
Matérias
Legislativas
Endereço e
Localização
Rua Vigando Kock, 69
Bairro: Centro
São Bento do Sul (SC)
CEP: 89280-367

Telefone

(47) 3633-4446