Notícias

Você está em: Página Inicial > Imprensa > Notícias

Vereadores lamentam alto número de faltantes na vacinação

Data de inclusão: 14/06/2021 21:24

Ao final da sessão desta segunda-feira, 14, da Câmara de Vereadores de São Bento do Sul, sete vereadores utilizaram a palavra livre. O primeiro a se pronunciar foi o vereador Darlan Guliani, que falou sobre a vacinação dos profissionais da educação. Segundo ele, algumas pessoas questionaram o porquê professores de música, de esportes como artes marciais, entre outros, não estavam inclusos no grupo de professores que receberam a vacinação contra a Covid. Ele explicou que a determinação vem do governo do Estado para definir os grupos prioritários. "O que podemos fazer é uma moção solicitando a inclusão, mas não podemos definir quem vai ou não ser vacinado", explicou. Ele falou ainda sobre a Lei municipal que autoriza a cobrança de multas para quem não utilizar corretamente as máscaras. "Vivemos em uma democracia, onde a vontade da maioria prevalece, e neste caso, a maioria quer o uso de máscaras para evitar a covid", afirmou.
A vereadora Zuleica Voltolini comemorou o fato de ter recebido a primeira dose da vacina contar a Covid neste final de semana, e parabenizou os profissionais do centro de vacinação pela dedicação e profissionalismo, e lamentou o alto número de pessoas que se cadastraram para receber a vacina e não compareceram. Segundo ela foram 1471 agendamentos para este final de semana, e destes, 398 não compareceram. Ela falou ainda sobre o Dia Mundial da Conscientização da violência contra a pessoa idosa, comemorada nesta terça-feira, dia 15, afirmando que a Secretaria de Desenvolvimento Comunitário irá realizar uma programação alusiva à data. Zuleica lamentou ainda a questão da cobrança de contribuição partidária feita pelo PSDB aos comissionados da Prefeitura. Para ela, é uma situação delicada, principalmente por ter sido feita durante o expediente da prefeitura, o que para ela, é "imoral, ilegal e irregular". Ela lembrou que os comissionados só podem contribuir se forem filiados ao partido e a contribuição é voluntária.
O vereador Adriano Reinhardt também falou sobre a contribuição partidária, a qual deve ser fiscalizada pelos vereadores. Ele citou que não é perseguição política, pois a contribuição partidária é legal desde que espontânea. Adriano também falou sobre a vacinação contra a Covid, e disse estar indignado com muitos professores que se cadastraram para receber a primeira dose e não compareceram. Segundo ele, foram 268 professores que não foram se vacinar.
O vereador Paulo Zwiefka falou sobre o empréstimo que foi autorizado pela Câmara de Vereadores, no valor de R$ 8 milhões para a aquisição de maquinário para a Secretaria de Obras. Ele sugeriu que parte desse valor seja utilizado para a aquisição de uma usina de asfalto, que tem um custo aproximado de R$ 1,5 milhão. Paulo também falou sobre a cobrança da contribuição partidária feita pelo PSDB, citando que esta prática é legal e existe há muito tempo. Ele lamentou que na administração passada essa contribuição foi usada para denegrir a imagem de políticos locais.
A vereadora Terezinha Dybas lamentou o falecimento do diretor do Detru, ocorrida no final da tarde desta segunda-feira, vítima da Covid, solicitando que as pessoas se cuidem. Segundo ela, de Joinville à Canoinhas existia na noite de ontem apenas um leito de UTI vago. "Não podemos deixar de lado só cuidados necessários", afirmou. Ela falou também sobre o sistema de estacionamento rotativo, citando que agora em alguns parquímetros pode ser feito o pagamento do estacionamento com cartão de crédito e débito, e que em breve será disponibilizado em todos os parquímetros. Sobre a cobrança da contribuição partidária ela afirmou que a mesma seria feita de forma correta, com o depósito em conta do próprio partido e seriam emitidos recibos para os doadores.
A vereadora Carla Hofmann também lamentou o falecimento do diretor do Detru, Sandro Moeke, mais uma vítima da Covid no município, e lamentou também que quase 400 pessoas se cadastraram para tomar a vacina no último final de semana e não compareceram. Ela lembrou que esse não é um ato de proteção pessoal, mas coletivo, pois se uma pessoa se vacina, as pessoas em seu entorno também estão protegidas. Ela lamentou também o alto número de profissionais da educação que não foram se vacinar, pois Carla foi uma das idealizadoras da Moção de Apelo para que estes profissionais entrassem na lista prioritária da vacina. Carla também lamentou a solicitação feita pelo diretor geral da Câmara, José Dorival Dums, para ser exonerado. "É um excelente profissional, atuou nesta Casa de Leis por mais de 38 anos tratando sempre a todos com respeito e educação, sempre foi essencial para o bom andamento dessa Casa de Leis", afirmou. Ela finalizou agradecendo a ele pelo bom serviço prestado e desejou sucesso em sua nova empreitada, pois Dums foi convidado pelo prefeito para assumir a Chefia de Gabinete.
O último a falar foi Luiz Neri Pereira, que comemorou o lançamento feito pela Secretaria de Saúde de um aplicativo para o agendamento de consultas pelo celular. Ele também lamentou o falecimento de Sandro Moeke, bem como o alto número de pessoas que faltaram à vacinação neste final de semana. O vereador falou ainda de um projeto da Escola Básica Municipal Dalmir Pedro Cubas que fooi premiada com R$ 35 mil para a campanha de prevenção à Aids.

Imagens relacionadas

Download
Assista a
Sessão Ao Vivo
Assista as
Sessões Gravadas
Portal da
Transparência
Conheça os
Vereadores
Pauta das
Sessões
Matérias
Legislativas
Endereço e
Localização
Rua Vigando Kock, 69
Bairro: Centro
São Bento do Sul (SC)
CEP: 89280-367

Telefone

(47) 3633-4446